Um sonho que tinha por cumprir

Viajar é das coisas que me dá mais prazer e esta ânsia de conhecer novos lugares já vem desde nova. Sempre tive uma grande vontade de explorar, conhecer novas pessoas e experienciar novas culturas. Ter duas semanas de férias é ótimo e sempre que posso viajo, mas tinha vontade de mais. Apetecia-me ficar por mais tempo e viver nesse lugar, conhecer pessoas, criar um grupo de amigos e observar o dia a dia das pessoas. Sempre me questionei se um dia eventualmente poderia ser uma viajante e não uma turista de férias. Mas e se a altura certa para o fazer não chega? Ia ficar à espera até quando? Eu amava a minha profissão, o que eu fazia, adorava trabalhar com os meus colegas, adorava a minha rotina diária, a minha bicicleta que me levava até ao escritório no centro de Londres, as minhas flatmates, a minha casa. Gostava mesmo muito da minha vida, não havia razões para querer mudar nada. Então porquê arriscar?

Por vezes o momento que nós achamos certo não aparece e passamos uma vida a adiar um sonho. Eu decidi criar a minha oportunidade. Ponderei  sobre o assunto e achei que não devia esperar que algo piorasse na minha vida para tomar essa decisão, como muitas vezes fazemos sem nos darmos conta. Até porque se algo corresse mal tinha sempre a opção de retomar a minha vida normal.

Um outro fator que pesou bastante na minha decisão foi o facto de há uns anos atrás ter passado por uma experiência que quase me impossibilitou de realizar quaisquer sonhos, que me podia ter impossibilitado de viver. Um dia posso-vos contar mais sobre isto, por agora vou-me focar no tópico apenas. Vivendo um susto destes tão nova mudou a minha forma de pensar, de estar na vida e principalmente de viver a vida. Sempre vivi ao máximo, com medo de me arrepender de não estar a aproveitar esta oportunidade maravilhosa que é viver, mas viajar durante tanto tempo talvez antes não estivesse nos meus planos. Pensava muito na possibilidade de voltar para Londres ou Lisboa e não encontrar trabalho depois de uns meses a viajar e sei que é por esta razão que muitas pessoas não vivem o seu sonho. Mas pensem lá… temos uma vida, uma e só uma, se não o fizermos agora quem vai fazer por nós? Quando chegar a altura do regresso à minha vida normal sei que terei de enfrentar alguns desafios , mas tenho a certeza que não me vou arrepender por um segundo que seja. Não vi esta decisão como um risco mas sim como uma oportunidade que tinha de criar e agarrar naquele momento. E assim o fiz.

Despedi-me e apanhei um avião para a Argentina, onde comecei a minha aventura. E que bem que soube partir de um lugar com boas energias, olhar para trás com um grande sorriso e saber que tenho sempre portas abertas para se um dia quiser voltar!

9223d721-fc51-4dd8-af0d-c1b1ff6b0a07

 

2 thoughts on “Um sonho que tinha por cumprir

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google photo

You are commenting using your Google account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s